Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Leigos Missionários Combonianos

Servindo a Missão ao estilo de S. Daniel Comboni

Leigos Missionários Combonianos

Servindo a Missão ao estilo de S. Daniel Comboni

Caixa de Beijos


Na mesa da humilde cozinha, a pequena menina tratava de envolver com papel dourado uma caixa de cartão. Nisso , chegou seu pai. E ao vê-la o pai preguntou: “Como estás, minha filha?... Ei... que estás fazendo, ein?” E a menina respondeu. “Nada, paizinho. Um presente.”
PAI: Um presente?.. Um presente para quem? Quem é que faz anos? Ou já estas fazendo os presentes de Natal?
E a menina respondeu: “É uma surpresa.”
PAI: Que surpresa nem que contos!... E de onde tiraste esse papel tão caro, ein?... Sabes que não temos dinheiro...
MENINA Mas, paisinho, eu só queria…
PAI (INTERROMPE) Basta. Não me faças chatear mais... Estas aqui a fazer presentes quando estamos com esta crise!... Vamos, vamos, fora daqui...
No dia seguinte, quando o pai acordou, tinha a belíssima caixa embrulhada no papel dourado, junto a sua cama.
É para ti, paisinho! – respondeu a menina.
PAI: Mas... Hoje não é meu aniversário nem...
MENINA: Na escola nos disseram que todos os dias é festa, se temos o coração alegre.
Envergonhado pela sua reação do dia anterior, o pai tomou aquela caixa que pesava muito pouco... Tirou o papel dourado, a abriu... e nada. Estava vazia.
O Pai ficou chateado e disse-lhe: “Mas, filha, não sabes que quando fazes um presente tens que dar algo?... Aqui não há nada… A caixa está vazia.
A pequena o olhou com surpresa e seus olhos se encheram de lágrimas. E respondeu ao Pai. “Não está vazia. Eu soprei muitos beijos dentro da caixa... Todos são para ti, paisinho!”
Foi então que o pai abraçou a sua filha lhe pediu perdou e chorou com ela como não o havia feito nunca.
Dizem que aquele pai guardou a caixa dourada muito próximo de sua cama durante muitos anos. E quando se sentia só e derrubado, tomava dela um beijo imaginário e recordava o amor que sua filha lhe havia presenteado.


Escute o clip de audio aqui (em espanhol)…
Adaptação do site Radialistas Apasionadas y Apasionados
veja a versão original aqui