Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Leigos Missionários Combonianos

Servindo a Missão ao estilo de S. Daniel Comboni

Leigos Missionários Combonianos

Servindo a Missão ao estilo de S. Daniel Comboni

«Senhor, que eu veja!»

 

“Pedimos ao Senhor o dom

de ver além dos nossos olhos humanos,

de ver o caminho que nos conduz a Ele,

de aceitar o desafio lançado por Jesus ao cego: «Vai!»” 

 

«Senhor, que eu veja!» (Mc 10,51b) Com estas palavras do cego Bartimeu começou a aventura deste fim-de-semana.

 

Na companhia do P. Arieira e do noviço Francisco, fomos até Ribeirão, uma Paróquia cheia de vida impulsionada pela alegria e pelo zelo do seu pastor: o Monsenhor Manuel Joaquim. Aí estivemos com as quase mil crianças e jovens dos vários anos de catequese.

 

Da minha parte, foi com alegria que partilhei a minha experiência de fé e de missão com os quase 200 adolescentes dos grupos de 7º e 8º anos de catequese e com os seus catequistas. Unida a eles e ainda imbuídos pelo espírito deste outubro missionário que está terminar, pedimos ao Senhor o dom de ver além dos nossos olhos humanos, o dom de ver o caminho que nos conduz a Ele, o dom de aceitar o desafio lançado por Jesus ao cego: “Vai!”

 

 
 

Nesta Paróquia, umas das maiores da nossa Arquidiocese de Braga, percebemos a destreza e o empenho deste pároco para com o seu rebanho. Todos tinham o seu lugar na Eucaristia e todos eram convidados a estar e a participar ativamente nela. Assim, nas várias Eucaristias deste fim de semana, o P. Arieira, o Francisco e eu, podemos de um modo, diria quase “informal”, dar testemunho d’Aquele que nos chama e nos envia, tal como fez a Bartimeu.

 

Ao terminar este domingo, dou graças a Deus pela alegria e pelo dinamismo desta Paróquia e por pertencer a esta Família Comboniana que sempre ousa estar presente, em ação e comunhão de Espírito, lá onde se procura um rosto missionário, lá onde a missão passa por “deixar o manto” e ir ao encontro do Mestre que nos chama.

 

Por: Susana Vilas Boas, LMC