Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Leigos Missionários Combonianos

Servindo a Missão ao estilo de S. Daniel Comboni

Leigos Missionários Combonianos

Servindo a Missão ao estilo de S. Daniel Comboni

1º Encontro Europeu dos LMC

 

De 4 a 8 de Agosto, deu-se em Granada – Espanha, o 1º Encontro Europeu dos Leigos Missionários Combonianos sob o lema “LMC, Missionários para o mundo”

 

 

 Os objectivos do encontro passavam essencialmente por se possibilitar um melhor conhecimento mútuo dos LMC provenientes de diferentes países e por se aprofundar os laços de amizade e sentido de Família que nos unem, tudo isto num ambiente descontraído que desse espaço ao descanso que todos merecem nesta altura do ano.

 
Entre responsáveis, LMC’s, formandos, amigos e crianças, estiveram presentes mais de 40 pessoas provenientes das províncias de Espanha, Itália, Alemanha e Portugal. Também contamos com a presença do Pe. Jorge, MCCJ Mexicano, em representação dos Missionários Combonianos.
 
Todos os dias tivemos momentos de trabalho, partilha e convívio.
 
No que concerne a trabalho, para as manhãs, a organização preparou temas como “O caminho europeu e internacional dos LMC”, “O laicado missionário como resposta aos desafios do mundo de hoje”, “Espiritualidade laical comboniana: "o leigo em Comboni” e “Modelos de intervenção do LMC em missão”. Estes temas foram apresentados, debatidos numa partilha que se demonstrou, na maioria dos casos, muito rica. De especial interesse foi o trabalho feito em volta do Carisma Comboniano, a partir do trabalho “encomendado” ao Pe. Joaquim Valente (filho do nosso queridíssimo Casal Valente), que nos ajudou a perceber melhor “A natureza dos Carismas”, “Que dom fez Deus à sua Igreja e ao mundo em e por Comboni” e a evolução “Do carisma de Comboni ao carisma das Combonianas e Combonianos”. Igualmente interessante foi falar dos modelos de intervenção em que pudemos inclusive estar ligados por vídeo-conferência a Açailândia – Brasil (falando com o nosso Álvaro e com Xoan Carlos e esposa) e a Arequipa – Peru (“hablando” com o Gonçalo, a Isabel e os seus 2 filhos).
 
Durante as tardes, cada província apresentou a sua história e trajectória e deu um testemunho de Missão. Da nossa parte, e para o efeito, pudemos contar com um PowerPoint, preparado pelo Artur Valente apresentado pelo Pedro Moreira, e com o testemunho da Sandra Fagundes que nos falou da sua presença laical missionária ligada ao ensino na missão de Carapira – Moçambique.
  
 
No que toca a lazer, para alem dos refrescantes banhos de piscina e das refeições conjuntas, pudemos visitar a bela Catedral de Granada, o centro histórico da cidade e a fabulosa Alhambra, último reduto dos Árabes na Península Ibérica.
 
 
 
No geral penso que o encontro foi muito bom. Damos graças a Deus por nos ter concedido momentos de oração profundos e um sentido de união permanente, sobretudo com os que se encontram em terreno de Missão. As viagens correram bem e também foram oportunidade de convívio alegre e salutar entre todos.
 
 
Agradecemos o esforço dos LMC de Espanha pela realização deste evento, especialmente aos LMC da zona Sul, e agradecemos também a hospitalidade das Seculares da congregação Alianza en Jesús por Maria, que nos disponibilizaram um espaço excelente e foram verdadeiramente amorosas para connosco.
 
Ficamos à espera dum próximo encontro!
 
Um abraço a todos,
 
Pedro Moreira, LMC
 

 

Encontro de Equipas Coordenadoras de LMC’s da Europa

 

Entre os dias 1 e 3 de Maio de 2009, estiveram reunidos na bonita vila de Ellwagen (Alemanha), os representantes do nosso Movimento a nível europeu (Alemanha, Itália, Espanha e Portugal), com o propósito de se reforçar os laços de pertença existentes e procurar pontos comuns que façam com que o nosso caminho de LMC seja, cada vez mais, um caminho feito em partilha.

Na Missão, as comunidades internacionais de LMC’s são cada vez mais uma realidade. Para além de serem fundamentais para conseguirmos garantir a continuidade dos projectos em que estamos inseridos, com estas, podemos dar um testemunho mais rico do Reino de Paz, Amor e Justiça em que acreditamos.

Pedro Moreira

LMC Portugal

 

Continue a ler aqui.

Momento tão alto na formação dos LMC

Não quero substituir o Álvaro na partilha sobre o que se passou no último encontro, mas não posso deixar passar em vão um momento tão alto na formação dos LMC!

Durante o dia de Sábado, o grupo conseguiu dar resposta a uma situação que preocupava os próprios orientadores: o que fazer a quem não parte após os 2 anos de formação e a quem chega da missão?

Eis que os próprios elementos dos LMC deram a resposta! Inspirados pelos C.O.M – Cenáculos de Oração Missionária, apresentados pelo P. Claudino, resolveram criar um C.O.M. a nível nacional! Assim, já ninguém fica de fora! Não é que alguém o ficasse, mas deste modo poderão sentir-se mais úteis e integrados! Com os C.O.M. há muito para “Escutar, Orar e Trabalhar!”
Para terminar o encontro no Domingo, foram convidados os pais dos leigos, que já partiram e estão para partir, para virem conhecer os LMC de perto, e muitos aceitaram o convite!
Sinto que a família é um suporte! Se a família está de acordo com algo que um dos seus membros faz, essa pessoa sente muito mais força, coragem, para seguir em frente!

E portanto, é importante a família conhecer os LMC para melhor aceitarem e compreenderem quem somos e o que queremos fazer para que estejamos mais completos na nossa missão!

Assim, este encontro permitiu às famílias: esclarecer dúvidas, anseios; conhecer o grupo, a instituição, que acompanha os seus elementos e que estão preocupados com o seu bem-estar e segurança; e ainda diminuir o medo, aumentar a fé e acreditar que Deus está com aqueles que O servem, e portanto não há nada a temer!

Bem-haja aos orientadores por proporcionarem este encontro à minha família, a todos os LMC por os receberem tão bem, e por me ajudarem de certo modo a mostrar-lhes que estou feliz por ir tentar fazer os outros felizes!

 

 

Vânia

O Espírito Santo soprou...

Este fim-de-semana de formação dos LMC foi importante, porque ficou marcado por mais um passo da longa caminhada até à missão. Ajudados pela exposição do Pe Claudino os finalistas do grupo que ainda não partem em missão decidiram criar o primeiro Cenáculo de Oração Missionária (COM) dos LMC a nível nacional… Este COM tem o firme objectivo de ser local de treino, aprendizagem e formação de liderança para a criação de novos COM’s e, ao mesmo tempo, local de partilha das nossas experiências em COM’s locais, bem como manter acesa a chama da missão.

Neste fim-de-semana todos pudemos, igualmente, fazer o balanço do ano de formação, para uns o primeiro para outros o segundo. Para mim foi importante haver um momento de reflexão pessoal. Este momento serviu para pôr as ideias em ordem sobre as vivências deste último ano.
No meu questionário o texto para reflexão era o seguinte: “Como cristãos, todos somos chamados à missão. Porém nas variadíssimas formas que tem de levar aos homens e mulheres a caridade do Pai, a Igreja propõem-nos vários e diferentes caminhos para a realização da sua vocação”.
A missão é um bichinho que todos carregamos dentro do coração… por isso a nossa acção como cristãos está sempre voltada para o outro, para aquele que precisa mais do que nós de uma palavra amiga, de um gesto desinteressado. É nisso que nos distinguimos dos “anónimos”, é na nossa acção!
O Pai do Céu é sem dúvida pai, mas também mãe como nos dizia Isaías na primeira leitura da eucaristia de domingo. Ele é paciente e carinhoso, ele embala-nos, ele senta-nos nos joelhos quando temos receio de continuar em frente, quando há algo que atormenta o nosso coração. Ele deixa-nos ficar ali quietinhos até termos verdadeira coragem de continuar a caminhada. De entre a encruzilhada de caminhos possíveis a seguir ele dá-nos a firme certeza DO caminho certo para nós realizarmos os seus desígnios.

De facto este fim-de-semana o Espírito Santo soprou...

 

 

 

Soprou também para os nossos familiares que desmistificaram algumas ideias que tinham sobre a missão graças ao maravilhoso testemunho do Pedro, obrigada! Foi também um bom momento de convívio entre todos os nossos familiares que agora fazem, ainda mais, parte da família LMC.
Barbara

Ecos Internacionais

Encontro dos Leigos Missionários Combonianos

 

 


Durante o último fim de semana de Abril realizou-se em Florença (Itália) o encontro continental dos coordenadores provinciais dos Leigos Missionários Combonianos (LMC) da Europa. Estavam presentes o provincial de Portugal, P. Manuel Alves Pinheiro de Carvalho (encarregado do sector a nível continental) e outros dois confrades de Portugal: P. Alfredo Manuel Gomes de Sousa e o LMC Pedro Moreira, pela Espanha estavam Alberto de la Portilla e o P. Alejandro Canales Maza, pela Itália P. Cláudio Longhi, pela DSP P. Günther Ludwig Hofmann com Birgit Schardt e Christoph Koch. Participaram também dois membros do Comité Central: a senhora Glória Morales Hernandez Torrres do México e P. Umberto Pescantini de Roma. Muito apreciada foi por fim a presença do Ir. Umberto Martinuzzo, membro do Conselho Geral.

Neste encontro ultimou-se o trabalho iniciado há uns anos, ou seja a redacção de um documento recapitulativo que, partindo da base, descreva com a maior clareza possível a situação do movimento LMC nas várias províncias da Europa, tocando os temas principais, como a identidade dos LMC, o seu curriculum formativo, o seu caminho em ordem à formação de comunidades LMC internacionais e em ordem à autonomia económica, a sua reinserção na província aquando do regresso do serviço missionário desenvolvido num outro continente. Os primeiros parágrafos deste documento, que já estavam prontos em 2006, foram assumidos pela Assembleia Geral de Ellwangen.
No próximo ano o encontro continental europeu terá lugar em Portugal.

 


 

Encontro do Comité Central

 

 

 


 

 

 

Em dois tempos (a 27 de Abril e a 1 de Maio) teve lugar em Florença o encontro do Comité Central LMC, o primeiro depois da Assembleia Geral de Ellwangen (Novembro 2006). Os quatro membros, Alberto de la Portilla, Glória M. H. Torres, P. Günther Hofmann e P. Umberto Pescantini aplaudiram a presença encorajadora do Ir. Umberto Martinuzzo, membro do Conselho Geral.
O Comité reanalisou antes de mais as 18 Propostas Finais da Assembleia Geral de Ellwangen, indicando e sugerindo os passos necessários para que sejam conhecidas e seguidas em todas províncias e delegações. Com este objectivo, será enviada uma carta a todos os provinciais e delegados e a todos os responsáveis dos LMC.
O Comité enfrentou depois a tarefa específica que lhe fora confiada pela Assembleia Geral, isto é, a compilação de um esquema basilar de formação para a missão. Chegou-se assim a um texto que será enviado a todos os grupos para que partindo sempre da experiência já em curso na base e ajudados por todos, se chegue, sobretudo a nível continental, a um esquema bastante comum que permita também alguns períodos de formação em comum entre grupos de diversas províncias para favorecer depois a experiência de comunidades internacionais em missão. O esquema será enviado às províncias e delegações que têm algum grupo de LMC.
Falou-se ainda da possibilidade de algum leigo missionário abrir um Blog na Internet para convidar os LMC à partilha e ao debate de temas relativos à sua vida.
Entretanto o sítio
www.comboni.org continuará a oferecer um espaço aos LMC enquanto membros da Família Comboniana.
Chegou-se a um acordo sobre o melhor modo de reunir fundos para financiar as viagens exigidas pela participação nestes encontros.
O próximo encontro do Comité Central decorrerá em coincidência com outros encontros continentais na América e em África quando e onde estes tiverem lugar.

ECOS DA 4ª ASSEMBLEIA INTERCONTINENTAL DOS LMC

De 5 a 12 de Novembro realizou-se em Ellwangen, na Alemanha, a 4ª Assembleia Geral Intercontinental dos LMC. Contou com a participação de 38 pessoas dos diversos países onde estão presentes os LMC ou que estão interessados nesta nova rama da família comboniana. Destes 38 participantes 18 eram Leigos Missionários Combonianos. Cada país apresentou um relatório da historia e desenvolvimento do movimento desde a última assembleia e depois tratamos dos três temas propostos:

1. a questão da identidade, pertença e unidade dos LMC Internacional
2. a questão da formação (etapas, conteúdos, vida comunitária, etc)
3. a questão do Fundo Económico Autónomo (qual o caminho para uma independência económica?)

Foi uma semana de intenso trabalho, marcada pela partilha de ideias, de fortalecimento de laços, de criar comunhão a nível internacional e ir fazendo caminho como movimento de LMC com rosto internacional.
 

Ecos do Encontro da Comissão dos LMC da Europa

Realizou-se nos dias 25 a 28 o terceiro encontro anual da Comissão Europeia dos LMC, em Granada. Neste encontro participaram os encarregados dos LMC das províncias de Itália, Alemanha, Espanha e Portugal juntamente com um representante dos Leigos Missionários Combonianos de cada país. De Portugal esteve presente o Sr. Artur Valente, representando os LMC desse pais, o P. Alfredo Gomes de Sousa, encarregado por parte dos MCCJ do Movimento e também o P. Manuel Pinheiro, Provincial dos MCCJ em Portugal e coordenador dos LMC a nível do continente europeu. Contamos também com a presença do P. Umberto Pescantini, missionário Comboniano e secretário Geral da Animação Missionária do Instituto.
De forma unânime todos nós consideramos positivo este encontro, pois nos ajudou a crescer a nível de movimento dos LMC e permitiu a todos não só voltarmo-nos a ver, mas também a conhecer-nos melhor. Os coordenadores fizeram um óptimo trabalho ao apresentar o documento – síntese que nos ajudou a dar grandes passos para crescer em comum. Pena que não se pode terminar, mas o mais importante foi a partilha.

A presença do P. Umberto foi muito positiva pois partilhou com a comissão e também recebeu impressões, experiências e apoio da mesma para preparar a próxima Assembleia Geral dos LMC na Alemanha.
Todos agradecemos a presença e envolvimento dos LMC de Granada, quer no acolhimento, quer na participação nos momentos de oração e de acompanhamento pela Cidade de Granda, assim como a comunidade comboniana de Granada. Sentimo-nos em família.
Como alguém afirmou o mais importante é os laços que se vão criando e o espírito de família missionária que somos e que se pode ir sentindo aqui e na missão.


Veja algumas fotografias do encontro
aqui

Carta do coordenador dos LMC na Europa

Alberto de la Portilla, Coordinador dos LMC na EuropaO LMC Alberto de la Portilla escreve uma carta para todos os LMC do continente europeu, para partilhar o que se esta a fazer a nível continental para consolidar o projecto dos LMC, fortalecer os laços entre os diferentes países onde existem LMC e animar todos e todas a sentir este projecto da internacionalidade como nosso. Fica aqui a sua carta de apresentação e de incentivo e um bem-haja por essa partilha que nos faz e pela sua dedicação a esta causa.

 

 


Sevilha, 9 de Outubro de 2005
Caros LMC:

 

Em primeiro lugar gostaria de saudar-vos a todos e todas e apresentar-me. Desde os últimos anos que estamos a trabalhar a nível europeu para consolidar um caminho comum para os LMC. É um trabalho que se está a realizar tanto a nível internacional como a nível continental. A nível europeu digo-vos que no último encontro que tivemos em Ellwangen - Maio de 2005 (Alemanha) nos propusemos dar passos concretos para elaborar um documento com alguns critérios onde nos reconheçamos todos como LMC e possamos ir fortaleçendo os laços de colaboração entre as diferentes províncias. Também escolhemos um LMC como coordinador do comité Europeu, neste caso fui eu o eleito, Alberto de la Portilla (LMC-Espanha), que trabalhará em comunhão com o P. Manuel Pinheiro (responsável dos provinciais na Europa).
Creio que este caminho deve ser sentido como um caminho de todos, onde os representantes das diferentes províncias não só se envolvam eles próprios, mas também que cada LMC sinta esta realidade da internacionalidade. Comboni compreendeu a necessidade de envolver toda a Igreja na responsabilidade missionária, e nós como combonianos estamos chamados a realizar este trabalho em comum.
A nossa realidade de leigos exprime de maneira peculiar e diferente o carisma Comboniano e é uma riqueza que complementa a expressão religiosa do mesmo, sendo um dom para a Igreja e o mundo. Gostaria de convidar cada um e cada uma a orar e partilhar esta vocação que recebeu com os outros LMC em colaboração com os MCCJ.
Gostaria de me dirigir especialmente a todos aqueles e aquelas que se encontram em missão. Vocês tornam a nossa vocação realidade, exprimem com as vossas vidas e o vosso compromisso a realidade missionária dos LMC. Vocês têm um estilo de estar em missão, partilhai-o.
Muitos de vocês encontram-se a partilhar países e projectos com LMC de outros países, vocês são a ponta de lança. Durante muitos anos seguimos um caminho paralelo a nível de formação, de entender a vocação, o compromisso missionário, a comunidade ou não, o tempo de permanecer na missão, a implicação com os nossos respectivos movimentos em nossos países de origem e muitas outras coisas. Este caminho de mutua compreensão que queremos levar acabo a nível europeu tem uma expressão fundamental para aqueles de vós que estais juntos, por favor reuni-vos, partilhai inquietações e enviai para nós as vossas reflexões. Vocês são os primeiros a fazer realidade esta internacionalidade em uma única vocação LMC. Partilhar connosco as vossas experiências são sementes de uma nova família de LMC.
Para os que estão a prepararem-se para partir para a missão, vos animo e encorajo a empenharem-se, pois os povos que vos acolhem merecem o melhor de vocês. Para todos aqueles que já regressaram da missão, e até que oxalá possam voltar a partir, vos animo a colocar a vossa experiência ao serviço dos que se estão a preparar e animar e sensibilizar a nossa Igreja Europeia e a toda a nossa sociedade com o vosso compromisso.
Termino despedindo-me com um forte abraço para todos e todas. Fico ao vosso dispor e serviço e com muita vontade e ilusão de tornar realidade o projecto dos LMC, onde todos e todas nos sintamos acolhidos e possamos expressar a nossa vocação missionária segundo o Carisma de Daniel Comboni ao serviço dos mais pobre e abandonados.


Um abraço
Alberto de la Portilla
Coordinador do Comité Europeu dos LMC
PD. Se quiserem contactar comigo, podem faze-lo em espanhol, português e inglês para:

albertoportilla@jazzfree.com .