Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Leigos Missionários Combonianos

Servindo a Missão ao estilo de S. Daniel Comboni

Leigos Missionários Combonianos

Servindo a Missão ao estilo de S. Daniel Comboni

Comunidade PI em Arganil

Olá Amigos e Irmãos,

         Como sabem, estamos a fazer a experiência de Comunidade PI (partida imediata). O que é isso? Para os mais distraídos, quer dizer que estamos a viver em comunidade cujo objectivo é a aprendermos isso mesmo, a viver em comunidade. Esta preparação torna-se importante para quem vai partir.
         Iniciamos a nossa comunidade na última semana de Agosto com o curso de Missiologia. Entretanto, estivemos em Arganil, onde, durante duas semanas, para além da vivência em comunidade, estivemos na Santa Casa da Misericórdia.
         O nosso dia começava sempre com a oração comunitária, as laudes. Era um momento de comunhão com Cristo, “alimento” para o dia.
         A seguir a um bom pequeno-almoço, perfumado pelo cheirinho a café, seguíamos para a Santa Casa da Misericórdia, onde os nossos amiguinhos, os idosos, já nos esperavam. Aí permanecíamos até ao fim do dia. Como nos sabia bem!!!
         Regressando a casa, havia muito que fazer, entre as compras e o preparar o jantar, além da avaliação diária, tínhamos também, a oração das vésperas, um momento de agradecimento e louvor pelo dia com que Deus nos presenteava.

                    No dia em que nos apresentámos na Santa Casa de Misericórdia de Arganil, tivemos uma pequena reunião com o Director geral e outros membros da Instituição, onde nos colocámos ao dispor, para o que fosse necessário dentro das nossas possibilidades. De acordo, com a nossa formação fomos enquadradas na dinâmica da Instituição. Tendo sido, no entanto, apresentado como objectivo principal o estar com os utentes.

                    Em todo o trabalho realizado, fomos respondendo às necessidades que se iam fazendo presentes. Desde o levar utentes à casa de banho, dar-lhes de comer à boca, ajudar na distribuição da alimentação, limpeza e manutenção do refeitório pequeno e copa ao simplesmente estar, que passava por dar um beijo, sentar ao lado, ouvir as alegrias e tristezas, apertar a mão, levar a um passeio até ao exterior, entre tantos outros pequenos milagres da vida, sentimos que o outro era presença de Deus na nossa vida e que nós também o conseguíamos ser. Uma dádiva de Deus pela qual damos Graças ao Pai.

                    Como aprendemos na Formação, sempre que chegamos a um lugar, temos de procurar integrar-nos na vida da comunidade local, assim sendo, e para não desiludir a Equipa coordenadora, foi o que fizemos e, com muito esforço. Tivemos que ir a piscina, à feira semanal, à FicaBeira, onde só por acaso, tivemos direito a música e, provámos uns licores, de se tirar o chapéu.

                    Esta última parte é só para incentivar a Comunidade PI, do próximo ano.

Despedimo-nos com um beijinho.
Fiquem na Paz de Cristo.

 

Élia e Márcia

Comunidade PI

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.