Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Leigos Missionários Combonianos

Servindo a Missão ao estilo de S. Daniel Comboni

Leigos Missionários Combonianos

Servindo a Missão ao estilo de S. Daniel Comboni

VI Assembleia Internacional dos Leigos Missionários Combonianos em Roma

329119112.jpeg

Está a decorrer de 11 a 17 de Dezembro, na Casa Generalícia dos Missionários Combonianos, em Roma, a VI Assembleia Internacional dos Leigos Missionários Combonianos (LMC), evento que se realiza cada seis anos. No total, são 51 participantes. Além dos representantes dos LMC e dos combonianos que os acompanham nos seus respectivos países, vindos de 20 países de África, Europa e América, participam também a irmã Ida Colombo, do conselho geral das Missionárias Combonianas e a Maria Pia Dal Zovo, do conselho central das Seculares Missionárias Combonianas.

110129-303.jpg

A Assembleia iniciou-se com as palavras de boas-vindas proferidas pelo Alberto de la Portilla, coordenador do Comité Central dos LMC, e pelo P. Pietro Ciuciulla, em nome do Conselho Geral comboniano [ver anexo em italiano e espanhol].

A manhã do primeiro dia, 11 de Dezembro, foi dedicada à oração, à reflexão e à partilha, guiados pelos Gonzalo Violero García e Maria Carmen Polanco Delgado, LMC da Espanha. Da parte da tarde, os participantes estiveram reunidos por continentes.

Ontem, dia 12, no qual se recorda a Nossa Senhora de Guadalupe, cada continente apresentou o relatório das actividades realizadas durante os últimos seis anos e apresentaram os seus principais desafios em relação ao futuro. Na mesma linha, seguiu- se a apresentação do relatório do Comité Central e o relatório económico de 2012 a 2018.

1177441263.jpeg110129.jpg

De tarde, deu-se início à reflexão do primeiro tema da Assembleia, que está relacionado com a organização dos LMC (composição, estrutura, comunidades internacionais e economia).

Hoje e nos próximos dias, os LMC irão debater, entre si, outros três grandes temas: formação e espiritualidade, a missão dos leigos e os documentos fundamentais dos LMC. Dar-se-á ainda tempo para falar de um modo especial sobre as comunidades internacionais, para partilhar as experiências da vida dos LMC, nos diversos contextos continentais, e informar sobre a actual relação dos LMC com a Família Comboniana.

Nos momentos de oração e na Eucaristia, estão também presentes todas e todos os LMC e, em especial, os que se encontram a trabalhar em contextos difíceis como, por exemplo, na República Centro-Africana. Que a luz do Espírito Santo seja o farol que ilumine os participantes nesta Assembleia e os LMC em geral, para que sejam capazes de dar continuidade à obra e ao carisma iniciados por São Daniel Comboni!

1177441263.jpeg

 

“Eu morro mas a minha obra não morrerá. ” (São Daniel Comboni)

IMG_20181006_164748.jpg

E para que a obra não morra, permanecemos juntos num momento tão importante como é este em que nós, Leigos Missionários Combonianos, caminhamos passo a passo no sentido de nos tornarmos uma Associação (que, se Deus quiser, nos permitirá ir mais além na missão). Assim, nos passados dias 5, 6 e 7 de Outubro os LMC reuniram-se para a Assembleia Geral LMC de Portugal, na casa dos MCCJ em Viseu. A nós se juntaram também o grupo de formandos com a Missionária Secular Comboniana Clara para a sua 2ª unidade formativa deste ano, sobre o tema “A palavra como con-vocação”.

Em toda a Assembleia o sentimento dos LMC era unânime: vivíamos um grande momento de inspiração, iluminados pelo Espírito Santo. Entre deliberação de Estatutos, análise, reflexão e reformulação do Diretório, conversas, discussões, eleição de novos cargos para os Orgãos Sociais da Associação de Leigos Missionários Combonianos, algumas (poucas e curtas) pausas, tudo foi fluindo. Sempre sentíamos que o espaço para acolher as diversas (e algumas vezes, divergentes) opiniões pautava a Assembleia, o que tornou este fim de semana um momento muito bonito e de forte crescimento! É impossível negar a presença das mãos de Deus e de São Daniel Comboni entre/em nós!

Vários foram os momentos de oração que nos foram permitindo manter-nos a caminho e, acima de tudo, encarnar esta presença de Deus, entregando o trabalho que íamos fazendo – mais que a opinião individual de cada um, que tudo fosse fruto e em prol da obra de Deus.

IMG_20181005_093428.jpgIMG_20181005_102153.jpgIMG_20181005_120136.jpg

Criados os Estatutos, reformulado o Diretório e eleitos os novos Orgãos Sociais, sinto dentro uma enorme gratidão a Deus pelas maravilhas que fez em nós. Colocamos agora o trabalho nas mãos de Deus e que, acima de tudo, o progresso da aprovação da Associação seja marcado pelos tempos de Deus (que tantas vezes são descompassados dos nossos). Rezamos juntos isto!

«As obras de Deus nascem e crescem aos pés da cruz». Assim, aos pés da cruz, rezamos, não só pelos frutos desta Assembleia, como também pelo trabalho dos novos Orgãos Sociais da Associação.

Como sabeis, continuamos juntos (longe ou perto).

Vossa LMC Carolina Fiúza

Momento de Oração - dia 6 de OutubroMomento de convívio

 

Orgãos Sociais

ASSEMBLEIA GERAL
- Presidente: Susana Vilas Boas
- Vice-presidente: Carlos Barros

- Secretário: Pedro Moreira

DIREÇÃO
- Presidente: Márcia Costa
- Vice-presidente: Élia Gomes
- Tesoureiro: Sandra Fagundes
- Suplente: Mário Breda

CONSELHO FISCAL
- Presidente: Vânia Costa
- 1º Vogal: Nelly Gomes
- 2º Vogal: Artur Cruz
- Suplente: Franquelim Lopes

"Tudo posso n'Aquele que me dá força" (Fl 4, 13)

IMG_20180914_102709_BURST001_COVER-COLLAGE.jpg

Que bonita é aquela África de madeira que se encontra aos pés de Cristo. E quanto do olhar de São Daniel Comboni deixo que me penetre, deixo que me contemple. E quanto de mim entra naquele olhar. Recordo as palavras de alguém que um dia me disse "é impossível que aquele olhar não te penetre, não nos interpele". E confirmo-as a cada vez que enxergo esta imagem do nosso incansável São Daniel Comboni.

Esta é a imagem sobre o altar que contemplo na capela da casa dos MCCJ de Madrid (onde hoje me encontrarei até por volta das 16h, hora a que o LMC David me virá buscar para, juntos vivermos o fim de semana em Arenas de San Pedro, a cerca de 160 km daqui) na qual não resisto a entrada para um momento de estar com o Senhor. A Ele lhe peço pela missão. Não somente pela "minha" mas a de cada um. A dos que partem. A dos que ficam. É na partida que está o amor também. A partida, o deixar o que temos para ganharmos algo maior: a liberdade da entrega a Cristo.  E falar de partida não é somente a partida física. Mas também a partida de nós mesmos. O sair de ti próprio todos os dias. A cada momento. É isso que hoje continuo a procurar, mas que hoje se torna fisicamente mais "fazível". Parto da minha terra em busca da sabedoria e graça necessárias para que, de futuro, melhor possa colocar os meus dons a render. Assim nos próximos meses estarei em Madrid junto da família que escolhi, a família Comboniana, num curso de Missiologia (cujo programa desde cedo me deixou de coração ardente e de olhos brilhantes... confesso até que, arde em mim aquela ansiedade miudinha comum nas crianças nos dias antes de tornarem às aulas). É isso que hoje aqui, diante desta África aos pés de Cristo, também agradeço: a possibilidade de crescer mais em sabedoria e graça.

IMG_20180914_102723-COLLAGE.jpg

Na certeza de que sou frágil mas que, no seio de uma comunidade que vive pelo e para o amor, me torno mais forte. Porque "tudo posso nAquele que me dá força" (Fl 4, 13).

"Tudo posso nAquele que me dá força" - repito. Ecoa isto em mim. Só com Ele e através dEle poderei ter esta capacidade de sair de mim, ir ao encontro do amor, ser livre na medida em que confio nEle e nas suas mãos, amar sem medida. "Deus não escolhe os capacitados mas capacita os escolhidos". Hoje entendo tão bem isto... e rezo a Deus para que me capacite para a missão para a qual fui destinada. A mim e a todos quantos vêem comigo! A família. O namorado. Os amigos. As pessoas. Cada uma, à sua maneira, é parte desta missão e sinto-me responsável por trazê-las também comigo.

 

"Tu tornas-te eternamente responsável por aquilo que cativas." (Antoine de Saint-Exupéry)

Assim é... Rezo por cada um, pela missão de cada um. Rezem por mim também, peço-vos. Obrigada do fundo do coração pela confiança... E mais do que em mim, em Deus. Tudo isto - e toda eu - só somos possíveis através dEle.

Tomai, Senhor, e recebei 
toda a minha liberdade
a minha memória
o meu entendimento 
e toda a minha vontade
tudo o que tenho e possuo
Vós mo destes; 
a Vós, Senhor, o restituo
Tudo é vosso
disponde de tudo, 
à vossa inteira vontade. 
Dai-me o vosso amor e graça
que esta me basta.

(Santo Inácio de Loyola)

Estamos juntos, sempre.

 

LMC Carolina Fiúza

1º Encontro Europeu dos LMC

 

De 4 a 8 de Agosto, deu-se em Granada – Espanha, o 1º Encontro Europeu dos Leigos Missionários Combonianos sob o lema “LMC, Missionários para o mundo”

 

 

 Os objectivos do encontro passavam essencialmente por se possibilitar um melhor conhecimento mútuo dos LMC provenientes de diferentes países e por se aprofundar os laços de amizade e sentido de Família que nos unem, tudo isto num ambiente descontraído que desse espaço ao descanso que todos merecem nesta altura do ano.

 
Entre responsáveis, LMC’s, formandos, amigos e crianças, estiveram presentes mais de 40 pessoas provenientes das províncias de Espanha, Itália, Alemanha e Portugal. Também contamos com a presença do Pe. Jorge, MCCJ Mexicano, em representação dos Missionários Combonianos.
 
Todos os dias tivemos momentos de trabalho, partilha e convívio.
 
No que concerne a trabalho, para as manhãs, a organização preparou temas como “O caminho europeu e internacional dos LMC”, “O laicado missionário como resposta aos desafios do mundo de hoje”, “Espiritualidade laical comboniana: "o leigo em Comboni” e “Modelos de intervenção do LMC em missão”. Estes temas foram apresentados, debatidos numa partilha que se demonstrou, na maioria dos casos, muito rica. De especial interesse foi o trabalho feito em volta do Carisma Comboniano, a partir do trabalho “encomendado” ao Pe. Joaquim Valente (filho do nosso queridíssimo Casal Valente), que nos ajudou a perceber melhor “A natureza dos Carismas”, “Que dom fez Deus à sua Igreja e ao mundo em e por Comboni” e a evolução “Do carisma de Comboni ao carisma das Combonianas e Combonianos”. Igualmente interessante foi falar dos modelos de intervenção em que pudemos inclusive estar ligados por vídeo-conferência a Açailândia – Brasil (falando com o nosso Álvaro e com Xoan Carlos e esposa) e a Arequipa – Peru (“hablando” com o Gonçalo, a Isabel e os seus 2 filhos).
 
Durante as tardes, cada província apresentou a sua história e trajectória e deu um testemunho de Missão. Da nossa parte, e para o efeito, pudemos contar com um PowerPoint, preparado pelo Artur Valente apresentado pelo Pedro Moreira, e com o testemunho da Sandra Fagundes que nos falou da sua presença laical missionária ligada ao ensino na missão de Carapira – Moçambique.
  
 
No que toca a lazer, para alem dos refrescantes banhos de piscina e das refeições conjuntas, pudemos visitar a bela Catedral de Granada, o centro histórico da cidade e a fabulosa Alhambra, último reduto dos Árabes na Península Ibérica.
 
 
 
No geral penso que o encontro foi muito bom. Damos graças a Deus por nos ter concedido momentos de oração profundos e um sentido de união permanente, sobretudo com os que se encontram em terreno de Missão. As viagens correram bem e também foram oportunidade de convívio alegre e salutar entre todos.
 
 
Agradecemos o esforço dos LMC de Espanha pela realização deste evento, especialmente aos LMC da zona Sul, e agradecemos também a hospitalidade das Seculares da congregação Alianza en Jesús por Maria, que nos disponibilizaram um espaço excelente e foram verdadeiramente amorosas para connosco.
 
Ficamos à espera dum próximo encontro!
 
Um abraço a todos,
 
Pedro Moreira, LMC
 

 

Encontro de Equipas Coordenadoras de LMC’s da Europa

 

Entre os dias 1 e 3 de Maio de 2009, estiveram reunidos na bonita vila de Ellwagen (Alemanha), os representantes do nosso Movimento a nível europeu (Alemanha, Itália, Espanha e Portugal), com o propósito de se reforçar os laços de pertença existentes e procurar pontos comuns que façam com que o nosso caminho de LMC seja, cada vez mais, um caminho feito em partilha.

Na Missão, as comunidades internacionais de LMC’s são cada vez mais uma realidade. Para além de serem fundamentais para conseguirmos garantir a continuidade dos projectos em que estamos inseridos, com estas, podemos dar um testemunho mais rico do Reino de Paz, Amor e Justiça em que acreditamos.

Pedro Moreira

LMC Portugal

 

Continue a ler aqui.

Momento tão alto na formação dos LMC

Não quero substituir o Álvaro na partilha sobre o que se passou no último encontro, mas não posso deixar passar em vão um momento tão alto na formação dos LMC!

Durante o dia de Sábado, o grupo conseguiu dar resposta a uma situação que preocupava os próprios orientadores: o que fazer a quem não parte após os 2 anos de formação e a quem chega da missão?

Eis que os próprios elementos dos LMC deram a resposta! Inspirados pelos C.O.M – Cenáculos de Oração Missionária, apresentados pelo P. Claudino, resolveram criar um C.O.M. a nível nacional! Assim, já ninguém fica de fora! Não é que alguém o ficasse, mas deste modo poderão sentir-se mais úteis e integrados! Com os C.O.M. há muito para “Escutar, Orar e Trabalhar!”
Para terminar o encontro no Domingo, foram convidados os pais dos leigos, que já partiram e estão para partir, para virem conhecer os LMC de perto, e muitos aceitaram o convite!
Sinto que a família é um suporte! Se a família está de acordo com algo que um dos seus membros faz, essa pessoa sente muito mais força, coragem, para seguir em frente!

E portanto, é importante a família conhecer os LMC para melhor aceitarem e compreenderem quem somos e o que queremos fazer para que estejamos mais completos na nossa missão!

Assim, este encontro permitiu às famílias: esclarecer dúvidas, anseios; conhecer o grupo, a instituição, que acompanha os seus elementos e que estão preocupados com o seu bem-estar e segurança; e ainda diminuir o medo, aumentar a fé e acreditar que Deus está com aqueles que O servem, e portanto não há nada a temer!

Bem-haja aos orientadores por proporcionarem este encontro à minha família, a todos os LMC por os receberem tão bem, e por me ajudarem de certo modo a mostrar-lhes que estou feliz por ir tentar fazer os outros felizes!

 

 

Vânia

O Espírito Santo soprou...

Este fim-de-semana de formação dos LMC foi importante, porque ficou marcado por mais um passo da longa caminhada até à missão. Ajudados pela exposição do Pe Claudino os finalistas do grupo que ainda não partem em missão decidiram criar o primeiro Cenáculo de Oração Missionária (COM) dos LMC a nível nacional… Este COM tem o firme objectivo de ser local de treino, aprendizagem e formação de liderança para a criação de novos COM’s e, ao mesmo tempo, local de partilha das nossas experiências em COM’s locais, bem como manter acesa a chama da missão.

Neste fim-de-semana todos pudemos, igualmente, fazer o balanço do ano de formação, para uns o primeiro para outros o segundo. Para mim foi importante haver um momento de reflexão pessoal. Este momento serviu para pôr as ideias em ordem sobre as vivências deste último ano.
No meu questionário o texto para reflexão era o seguinte: “Como cristãos, todos somos chamados à missão. Porém nas variadíssimas formas que tem de levar aos homens e mulheres a caridade do Pai, a Igreja propõem-nos vários e diferentes caminhos para a realização da sua vocação”.
A missão é um bichinho que todos carregamos dentro do coração… por isso a nossa acção como cristãos está sempre voltada para o outro, para aquele que precisa mais do que nós de uma palavra amiga, de um gesto desinteressado. É nisso que nos distinguimos dos “anónimos”, é na nossa acção!
O Pai do Céu é sem dúvida pai, mas também mãe como nos dizia Isaías na primeira leitura da eucaristia de domingo. Ele é paciente e carinhoso, ele embala-nos, ele senta-nos nos joelhos quando temos receio de continuar em frente, quando há algo que atormenta o nosso coração. Ele deixa-nos ficar ali quietinhos até termos verdadeira coragem de continuar a caminhada. De entre a encruzilhada de caminhos possíveis a seguir ele dá-nos a firme certeza DO caminho certo para nós realizarmos os seus desígnios.

De facto este fim-de-semana o Espírito Santo soprou...

 

 

 

Soprou também para os nossos familiares que desmistificaram algumas ideias que tinham sobre a missão graças ao maravilhoso testemunho do Pedro, obrigada! Foi também um bom momento de convívio entre todos os nossos familiares que agora fazem, ainda mais, parte da família LMC.
Barbara

Ecos Internacionais

Encontro dos Leigos Missionários Combonianos

 

 


Durante o último fim de semana de Abril realizou-se em Florença (Itália) o encontro continental dos coordenadores provinciais dos Leigos Missionários Combonianos (LMC) da Europa. Estavam presentes o provincial de Portugal, P. Manuel Alves Pinheiro de Carvalho (encarregado do sector a nível continental) e outros dois confrades de Portugal: P. Alfredo Manuel Gomes de Sousa e o LMC Pedro Moreira, pela Espanha estavam Alberto de la Portilla e o P. Alejandro Canales Maza, pela Itália P. Cláudio Longhi, pela DSP P. Günther Ludwig Hofmann com Birgit Schardt e Christoph Koch. Participaram também dois membros do Comité Central: a senhora Glória Morales Hernandez Torrres do México e P. Umberto Pescantini de Roma. Muito apreciada foi por fim a presença do Ir. Umberto Martinuzzo, membro do Conselho Geral.

Neste encontro ultimou-se o trabalho iniciado há uns anos, ou seja a redacção de um documento recapitulativo que, partindo da base, descreva com a maior clareza possível a situação do movimento LMC nas várias províncias da Europa, tocando os temas principais, como a identidade dos LMC, o seu curriculum formativo, o seu caminho em ordem à formação de comunidades LMC internacionais e em ordem à autonomia económica, a sua reinserção na província aquando do regresso do serviço missionário desenvolvido num outro continente. Os primeiros parágrafos deste documento, que já estavam prontos em 2006, foram assumidos pela Assembleia Geral de Ellwangen.
No próximo ano o encontro continental europeu terá lugar em Portugal.

 


 

Encontro do Comité Central

 

 

 


 

 

 

Em dois tempos (a 27 de Abril e a 1 de Maio) teve lugar em Florença o encontro do Comité Central LMC, o primeiro depois da Assembleia Geral de Ellwangen (Novembro 2006). Os quatro membros, Alberto de la Portilla, Glória M. H. Torres, P. Günther Hofmann e P. Umberto Pescantini aplaudiram a presença encorajadora do Ir. Umberto Martinuzzo, membro do Conselho Geral.
O Comité reanalisou antes de mais as 18 Propostas Finais da Assembleia Geral de Ellwangen, indicando e sugerindo os passos necessários para que sejam conhecidas e seguidas em todas províncias e delegações. Com este objectivo, será enviada uma carta a todos os provinciais e delegados e a todos os responsáveis dos LMC.
O Comité enfrentou depois a tarefa específica que lhe fora confiada pela Assembleia Geral, isto é, a compilação de um esquema basilar de formação para a missão. Chegou-se assim a um texto que será enviado a todos os grupos para que partindo sempre da experiência já em curso na base e ajudados por todos, se chegue, sobretudo a nível continental, a um esquema bastante comum que permita também alguns períodos de formação em comum entre grupos de diversas províncias para favorecer depois a experiência de comunidades internacionais em missão. O esquema será enviado às províncias e delegações que têm algum grupo de LMC.
Falou-se ainda da possibilidade de algum leigo missionário abrir um Blog na Internet para convidar os LMC à partilha e ao debate de temas relativos à sua vida.
Entretanto o sítio
www.comboni.org continuará a oferecer um espaço aos LMC enquanto membros da Família Comboniana.
Chegou-se a um acordo sobre o melhor modo de reunir fundos para financiar as viagens exigidas pela participação nestes encontros.
O próximo encontro do Comité Central decorrerá em coincidência com outros encontros continentais na América e em África quando e onde estes tiverem lugar.

ECOS DA 4ª ASSEMBLEIA INTERCONTINENTAL DOS LMC

De 5 a 12 de Novembro realizou-se em Ellwangen, na Alemanha, a 4ª Assembleia Geral Intercontinental dos LMC. Contou com a participação de 38 pessoas dos diversos países onde estão presentes os LMC ou que estão interessados nesta nova rama da família comboniana. Destes 38 participantes 18 eram Leigos Missionários Combonianos. Cada país apresentou um relatório da historia e desenvolvimento do movimento desde a última assembleia e depois tratamos dos três temas propostos:

1. a questão da identidade, pertença e unidade dos LMC Internacional
2. a questão da formação (etapas, conteúdos, vida comunitária, etc)
3. a questão do Fundo Económico Autónomo (qual o caminho para uma independência económica?)

Foi uma semana de intenso trabalho, marcada pela partilha de ideias, de fortalecimento de laços, de criar comunhão a nível internacional e ir fazendo caminho como movimento de LMC com rosto internacional.
 

Ecos do Encontro da Comissão dos LMC da Europa

Realizou-se nos dias 25 a 28 o terceiro encontro anual da Comissão Europeia dos LMC, em Granada. Neste encontro participaram os encarregados dos LMC das províncias de Itália, Alemanha, Espanha e Portugal juntamente com um representante dos Leigos Missionários Combonianos de cada país. De Portugal esteve presente o Sr. Artur Valente, representando os LMC desse pais, o P. Alfredo Gomes de Sousa, encarregado por parte dos MCCJ do Movimento e também o P. Manuel Pinheiro, Provincial dos MCCJ em Portugal e coordenador dos LMC a nível do continente europeu. Contamos também com a presença do P. Umberto Pescantini, missionário Comboniano e secretário Geral da Animação Missionária do Instituto.
De forma unânime todos nós consideramos positivo este encontro, pois nos ajudou a crescer a nível de movimento dos LMC e permitiu a todos não só voltarmo-nos a ver, mas também a conhecer-nos melhor. Os coordenadores fizeram um óptimo trabalho ao apresentar o documento – síntese que nos ajudou a dar grandes passos para crescer em comum. Pena que não se pode terminar, mas o mais importante foi a partilha.

A presença do P. Umberto foi muito positiva pois partilhou com a comissão e também recebeu impressões, experiências e apoio da mesma para preparar a próxima Assembleia Geral dos LMC na Alemanha.
Todos agradecemos a presença e envolvimento dos LMC de Granada, quer no acolhimento, quer na participação nos momentos de oração e de acompanhamento pela Cidade de Granda, assim como a comunidade comboniana de Granada. Sentimo-nos em família.
Como alguém afirmou o mais importante é os laços que se vão criando e o espírito de família missionária que somos e que se pode ir sentindo aqui e na missão.


Veja algumas fotografias do encontro
aqui